PAIGC - A FACE DO MONOPARTIDARISMO NA GUINÉ-BISSAU (1974 A 1990)

15,99 €
-13%

13,99 €

incl. impostos, mais envio
Em stock
Tempo de envio: 5 dia(s)

Descrição

SINOPSE: O Partido Africano para Independência da Guiné e Cabo Verde – PAIGC - assumiu oficialmente o controle do poder político na Guiné-Bissau em 1974 e, por dezasseis anos, protagonizou o cenário político com um regime de partido único. O propósito desta obra é verificar por que o partido que esteve por um longo período na vanguarda do país, atuando como a única força política que controlava o aparelho de Estado, teve dificuldades para executar as suas principais propostas de governo. Para tanto, a obra debruçou-se sobre as seguintes questões: que influência teve a colonização na formação do PAIGC? Por que o PAIGC enfrentou dificuldades e se viu obrigado a perder a sua identidade binacional considerada como uma das bases do seu principio ideológico? Por que no período pós golpe de 1980 o partido não conseguiu evitar outros sucessivos conflitos violentos? O divisionismo social e étnico fazia-se notar nas estruturas internas do PAIGC? A resposta pode estar entre outros fatores: no legado deixado pelo passado colonial, na heterogeneidade da estrutura social nacional e nas contradições resultantes de luta pelo poder no interior do próprio PAIGC. Embora, apesar das dificuldades que são observáveis, não se pode refutar a sua importância como um ator importante na construção da história política nacional.


FICHA TÉCNICA


TÍTULO: PAIGC
A FACE DO MONOPARTIDARISMO NA GUINÉ-BISSAU (1974 A 1990)

AUTOR: RUI JORGE SEMEDO

Coordenação Editorial: Luís Barbosa Vicente

Prefácio: Carlos Sangreman

Revisão: Autor e Nimbedições

Imagem capa: Nimbedições

Conceção gráfica: Nimbedições

Tiragem: 300 exemplares

N.º pág.: 195

Formato: 16X23

Depósito legal:

ISBN: 978-989-53248-0-4


1.ª Edição, julho de 2021

EDITORA: Nimbedições